terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Fotografia : Casais

Postado por Innara Araújo às 1/28/2014 05:44:00 PM
Oooi meninas, tudo bem com vocês? Faz um bom tempo que não comento nada sobre fotografia, então resolvi fazer um post hoje com ideias de fotos em casais. Quem nunca se encantou por aqueles casais do Tumblr que tiram fotos simplesmente perfeitas ? Então ai vai algumas inspirações (nada muito "fake") de fotos bem naturais, simples e lindas para vocês.















Espero que tenham gostado meninas. Ma e ai, vão tentar tirar fotos assim com o love de vocês? haha. Beijooos



6 comentários:

ჱ ܓ.mąરy ੴ...... on 29 de janeiro de 2014 08:46 disse...

Olá!
fotografia sempre é tudo de bom não é?! Gostei muito e achei super interessante o post falando sobre "aquelas" imagens maravilindas do Tumblr né não... posta mais sobre isso vou amar!!! abraços!! FB

ჱ ܓ.mąરy ੴ......
http://parlandodellarte.blogspot.com.br

Angélica Romualdo on 29 de janeiro de 2014 22:13 disse...

Essas fotos são linda mesmo, mas foto fake que gosto é de casal em praia são sempre lindas.
FB
Beijos!!
http://putztobela.blogspot.com.br

Fran Camargo on 1 de fevereiro de 2014 10:57 disse...

Todas as fotografias estão lindas!
Eu fui à praia com o meu love e tirei algumas fotos tipo Tumblr também.
Sou completamente apaixonada por fotografia!
Beijos
FB Depois dos Dezoito

Carolina Campbell on 1 de fevereiro de 2014 14:58 disse...

Adoro essas fotografias de casais que são diferentes, acho que sinto mais falat de estar namorando porque não tenho ninguém pra tirar fotos assim..

FB
http://desaparicoes.blogspot.com.br/

Deborah Ricardo on 3 de fevereiro de 2014 18:44 disse...

Aii adorooo sempre fico olhando pra fazer com meu marido, nada como uma fotinha fofa a dois. Adorei
FB
NERDEVAIDOSA.COM

Jeniffer Tamara on 16 de fevereiro de 2014 19:09 disse...

Ai que coisa mais fofa *-*
Eu adoro essas fotos de casais, são tão meigas!
Beijão!!
http://cupcakeneerd.blogspot.com.br/

Postar um comentário

 

Entre amores e livros Copyright © 2012 Design by Amanda Inácio Vinte e poucos